É hora de trocar de carro.” Você certamente já ouviu isso de muitos amigos. E de parentes também, em especial daquele cunhado, digamos, meio intrometido – que nos desculpem os cunhados. Ocorre que ele – o cunhado – pode ter razão. Boa parte dos proprietários de automóveis hesitam muito quanto ao momento certo para trocar de carro. Se houver um vínculo afetivo, então, a coisa fica ainda mais difícil. E quem não tem esse vínculo, não é mesmo?

Para ajudar você a descobrir se está na hora de substituir aquele seu amigo especial, ou seja, cortar os elos com seu carro, a gente foi pesquisar em meio a amigos e clientes as melhores dicas. Nós fizemos as perguntas mais interessantes que fazem desse momento um grande sacrifício. Ou não.

E você tiver alguma dica que não está em nossa relação, mande pra gente. Use o campo de comentários ou envie para nossos e-mails.

Separamos também em dois grupos de dicas: sobre seu carro e sobre o mercado.

Ele próprio diz a hora de trocar de carro

Talvez seu próprio carro aponte o momento certo de ser trocado.

  • Agenda mecânica

Verifique o número de visitas que você fez a seu mecânico nos últimos doze meses. Se for maior de quatro vezes… hum… bem… talvez tenha chegado a hora de procurar um modelo menos problemático.

  • Bomba de combustível

Compute o valor total gasto com combustível no último mês. Peça para seus amigos, que possuem outros modelos de carro, para fazerem o mesmo. Compare os valores.

É bem provável que a diferença comparada seja grande impulso para trocar de carro. Ou gostar ainda mais dele.

  • Hodômetro

É um dos melhores indicadores da hora certa de trocar de carro. Engenheiros mecânicos e os próprios profissionais de oficina dizem que, após dos 60 mil quilômetros rodados, os veículos começam a apresentar problemas quase em série.

Isso se dá porque as peças passaram por bom desgaste, mesmo as eventualmente substituídas por você. É certo que seu amigo vai entrar em uma espécie de depressão e mostrar que precisa de mais atenção… do seu mecânico.

  • DNA

A gente não resistiu à piadinha: DNA significa data de nascimento avançada – de fabricação, no caso de carros.

Tanto quanto o hodômetro, é importante indicativo do momento de trocar seu carro. Carros com mais de 5, 6 anos de vida útil só não causam problemas se você gastou mais do que deveria em manutenção. Bem mais do que deveria.

O mercado diz a hora de trocar de carro

E se seu carro não denunciar a hora de ser trocado, o mercado pode dar uma ajudazinha. Fique atento a ele, grande termômetro para você saber a hora de vendar ou comprar carros.

  • Desvalorização de marca

O mercado de automóveis é oscilante, até mesmo um pouco mais que outros. Algumas marcas podem sofrer desvalorização por motivos dos mais estranhos.

Na Europa, são conhecidos casos de automóveis que perderam valor de mercado porque a montadora se envolveu em algum escândalo financeiro ou social.

Mas esse mesmo mercado pode provocar …

  • … Valorização de marca …

… também por motivos dos mais estranhos. De repente, a montadora pode ser citada em grande ação social com vista à melhorias diversas.

  • Peso no bolso

De repente, aquele planejamento financeiro que você fez ao adquirir seu carro tomou outro rumo. As prestações passaram a pesar em seu bolso mais do que você imaginava.

Talvez seja o momento de trocar de carro por outra marca ou modelo que ofereça os mesmos benefícios.

  • Desemprego

Outro fator importante é, claro, o desemprego. As prestações podem nem ser tão altas, mas você vive numa economia insegura em que o tempo para se conseguir outro emprego é muito variável.

Se seu antigo salário fizer falta, não tem jeito. Vai precisar trocar seu carro por algum com prestação mais amiga.

Muito bem. Essas foram as dicas de nossos entrevistados para auxiliar você a identificar o momento adequado para trocar de carro. Há algumas outras quase óbvias:

  • Aumento da família
  • Batidas com amassamento quase irreparável
  • Sonho de possuir um carro com status mais destacável
  • Finalização do período de garantia total
  • Utilidades diferentes – sua profissão pode precisar de veículo mais potente

E você pode ter outras dicas. Relate para nós no campo de comentários. Nossos amigos e visitantes certamente vão ficar satisfeitos com suas informações.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + cinco =